Serviço

Candidatura Individual

Estudantes da UFU
Portal UFU
18/01/2019 - 15:39 - atualizado em 19/08/2022 - 11:33

O discente da UFU também pode realizar mobilidade internacional por meio de Candidatura Individual, quando sua validação institucional é realizada via coordenação de curso, sem necessariamente ter participado dos editais de seleção promovidos pela DRI. Nesta modalidade, o discente deverá, necessariamente, atender aos requisitos listados abaixo, bem como seguir as orientações descritas nesta página.

 

BENEFÍCIOS:

  • Vivência em ambiente multicultural;
  • Experiência acadêmica internacional.

Requisitos

O discente de graduação poderá realizar mobilidade internacional se candidatando individualmente, desde que cumpra as orientações/requisitos descritos abaixo:

  • 1) Instituições de acolhimento com as quais a DRI NÃO POSSUI acordo: Nesta modalidade, o estudante poderá realizar a sua candidatura em qualquer época do ano. Para esse tipo de candidatura, a instituição não poderá ser parceira da UFU, ou seja, ela não deverá constar no site (instituições parceiras) e editais de seleção da DRII;

  • 2) Instituições de acolhimento com as quais a DRI POSSUI acordo: o estudante por iniciativa própria e sem nenhuma intervenção da DRI, realiza a sua candidatura para as instituições que NÃO ofertam vagas para comporem os EDITAIS DA DRI.

  • 3) Instituições de acolhimento com as quais a DRI POSSUI acordo: o estudante por iniciativa própria e sem nenhuma intervenção da DRI, poderá conseguir VAGAS ADICIONAIS que não comprometam as vagas dos EDITAIS DA DRI;

As instituições de acolhimento que possuem acordo de cooperação com a DRI poderão deixar de ser opções de candidatura individual, a qualquer momento, se houver tratativas sobre a oferta de vagas para compor os EDITAIS DA DRI.


Orientações

Passo-a-passo para realização de candidatura individual:

  1. Eleger uma instituição de ensino superior internacional. Nesta modalidade, a obrigatoriedade da existência de acordo de cooperação entre a UFU e a universidade de destino fica sujeita ao julgamento do colegiado do curso do discente.

  2.  Providenciar e encaminhar sua documentação de candidatura à instituição de acolhimento. A DRII fica isenta de negociar a vaga do estudante, bem como realizar sua nomeação e encaminhar seu processo de candidatura.

  3. Aguardar a análise e o parecer da universidade de destino  (em média, 01 (um) mês);

  4. De posse da sua Carta de Aceite, entrar com pedido de análise de seu caso junto ao colegiado de seu curso de graduação na UFU;

  5. Uma vez aprovado, juntar sua documentação (Carta de Aceite, cópia da ata da reunião do colegiado com parecer favorável e Termo de Compromisso devidamente assinado) e encaminhar para a coordenação de seu curso. Esta irá abrir um processo no sistema SEI, inserir os documentos e tramitar para a DRII para que seja iniciado o trâmite de solicitação de sua matrícula na UFU no componente curricular "mobilidade internacional";

  6. Providenciar seu Visto junto a Embaixada e/ou Consulado do país onde está situada a universidade de destino;

  7. De posse do Visto, providenciar passagens e hospedagem;

  8. Dirigir-se à instituição de acolhimento onde realizará a mobilidade internacional;

  9. Se houver alguma alteração em seu Plano de Estudos, preencher o formulário de alteração disponibilizado pela universidade de destino, solicitar a assinatura do responsável e, em seguida, encaminhar para a DRII que, por sua vez, enviará o documento para análise e assinatura de seu coordenador acadêmico da UFU (obs.: todo este procedimento pode ser feito por e-mail, imprimindo e digitalizando a documentação);

  10. Após o término da mobilidade, entreguar os documentos comprobatórios de finalização.  

  11. Solicitar sua matrícula na UFU conforme orientações descritas em Sou estudante UFU, finalizei minha mobilidade internacional. Como realizar minha rematrícula na UFU?;

  12. Preencher o formulário online: Relatório Final de Mobilidade .



Central de Conteúdos



Responsável